Fluxo de veículos em rodovias concedidas cresceu 2,1% em 12 meses

0
95
Rota das Bandeiras/ABCR /Divulgação

Nos últimos doze meses (intervalo de fevereiro de 2017 a janeiro de 2018), o indicador de fluxo total acumulou crescimento de 2,1%, refletindo a elevação acumulada do índice de leves e de pesados, os quais variaram, respectivamente, 2,2% e 1,8%.
Apesar da retração registrada em janeiro, o fluxo de veículos pesados também deve sustentar trajetória de crescimento em 2018. O decrescimento no mês representa uma acomodação após a elevada expansão de dezembro, quando o indicador registrou expressiva alta de 2,6%, em termos dessazonalizados. “Dessa forma, o resultado não altera as perspectivas positivas para o índice de pesados no ano, visto que os fundamentos continuam favoráveis à atividade industrial, principalmente, em razão do maior otimismo dos empresários industriais e dos efeitos defasados do afrouxamento monetário sobre a demanda doméstica, em um quadro de controle inflacionário”, explica Thiago Xavier, Analista da Tendências Consultoria.

O índice ABCR de atividade relativo a janeiro de 2018 aumentou 0,2% no comparativo com o mês imediatamente anterior, conforme os dados dessazonalizados. O índice que mede o fluxo de veículos em rodovias  com pedágios é construído pela Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR) juntamente com a Tendências Consultoria Integrada.

Na comparação mensal dessazonalizada, o índice de fluxo de veículos leves em rodovias concedidas apresentou expansão de 0,1% enquanto o de pesados registrou contração 0,3% em relação a dezembro.

“O crescimento do índice total foi proporcionado pela elevação do fluxo de veículos leves, o que converge com o processo em curso de melhora da situação financeira das famílias e propicia ampliação de suas decisões de consumo”, explica Xavier.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome aqui