CGH Barra da Europa garante financiamento e mantém cronograma de obras

0
232

Começam em maio próximo as obras civis da CGH Barra da Europa, de 4,6 MW, no rio Burro Branco, que irá demandar investimentos estimados em cerca de R$ 40 milhões.  Localizada na divisa dos municípios União do Oeste e Pinhalzinho (SC), o empreendimento deverá elevar para 40,6 MW a potência instalada da Norte Administração e Finanças Ltda., de Águas Frias (SC), que fomenta, investe e gerencia grupos de investimentos em negócios de usinas hidrelétricas.

Rousty Rolim Moura, diretor da Norte, informou a MODAL que a empresa SPE Companhia Energética Barra da Europa acaba de fechar contrato com o BRDE e a Cooperativa de Crédito de Livre Admissão de Associados São Miguel do Oeste (Sicoob) para o financiamento de linhas de crédito que somam R$ 20 milhões.

Tomada d'água
Tomada d’água

“Até o momento, as obras estavam sendo executadas com recursos próprios dos acionistas. Com o ingresso dos recursos de financiamento iniciaremos a aquisição dos equipamentos e o desenvolvimento de projetos (engenharia e ambientais), de terras atingidas pelo lago e obra, acessos, estruturas e construção de canteiro. Também faz parte do cronograma o primeiro e segundo trecho da linha de transmissão e despesas gerenciais”, explicou Moura.

Área de supressão e reservatório
Área de supressão e reservatório

Nos meses de fevereiro e março, segundo relato da empresa, tiveram continuidade  a escavação em rocha na casa de força, desemboque do túnel, conduto forçado e canal de fuga. Foram iniciadas ainda as escavações no emboque do túnel e desvio do rio da margem direita e a escavação subterrânea por jusante do túnel de adução, finalizando em 200 metros o avanço que já havia sido previsto.

Também foi iniciada a escavação subterrânea do túnel, por montante, com avanço de 53 metros e a passagem molhada que dá acesso à margem direita.

Formada pelas empresas Barra da Europa Participações S.A. (91%);  Múltipla Participações Ltda. (5%) e Proprietários de terras (4%), a SPE Companhia Energética Barra da Europa, segundo Moura, vem trabalhando para o enquadramento do projeto em GD, em propostas de arrendamento da usina ou venda em prazo médio de dez anos, ou ainda participação em leilão ou venda junto ao mercado livre.
Características:
• Energia Média: 2,557 MW médios.
• Turbinas: tipo Kaplan
• Início previsto de operação: março/abril de 2022.
• Potência unitária nominal dos geradores: 2.300 kVA.
• Potência Transformador Elevador: 4.500 kVA.
• Ponto de conexão: Alimentador 23 kV Celesc.

 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome aqui