Em conjuntura difícil, South Service Trading fecha primeiro semestre do ano com novo incremento na corrente de comércio exterior

0
154
Grupo conta com armazem nas proximidades do Porto de Itajaí

Mesmo com as incertezas do comércio internacional devido ao conflito entre a Rússia e a Ucrânia, a South Service Trading, do Grupo Exicon, de Porto Alegre, continuou apresentando um cenário de solidez.

No primeiro semestre do ano,  a corrente de comércio exterior e de serviços, teve um incremento de 4% em comparação a igual período do ano passado.  As exportações, em um total de US$ 38 milhões, cresceram 30% , enquanto as importações alcançaram  US$ 80 milhões, com uma redução de 20% .

Entre os principais produtos exportados, calçados, com uma participação de 18%, teve um incremento de 6% em relação ao ano anterior. Madeiras, compensados e móveis, que responderam por 67% do total, se mantiveram estáveis.

Estados Unidos e México, entre os países-destino foram os que apresentaram maior crescimento.

Nas importações, aços planos, aços longos, pneus, moto-peças, entre outros, foram os produtos de maior demanda.

Já os serviços de garantia de crédito internacional, tanto na exportação quanto na importação – US$ 83 milhões e US$ 25 milhões respectivamente- tiveram um crescimento de 230%, diante de igual período do ano anterior.

Ponto estratégico

“Nas exportações, dada a rolagem constante de bookings atrasando os embarques, a Exicon  teve um papel de suma importância no financiamento dessas mercadorias,  gerando fluxo de caixa para os produtores de calçados ,móveis ,compensados de pinus ,madeiras em geral e outros produtos”, observou o diretor-geral da empresa, Alexandre Bücker de Souza. “Através da Exilog, nosso armazém em Itajaí (SC) se tornou um ponto estratégico para armazenar cargas próximas aos embarques“, acrescentou.

“No caso das importações, as dificuldades não foram diferentes. Tivemos de mostrar muita eficiência na separação de pedidos e distribuição de produtos que devido aos atrasos exigiram uma velocidade bem maior que a usual”.

Entre os efeitos da guerra, o empresário cita oportunidades de mercado para produtos brasileiros devido às restrições dos países da Europa e dos Estados Unidos, entre esses do pinus russo utilizado em compensados e em móveis.

Prêmios

Sobre as estratégias do grupo para manter seu volume de negócios mesmo diante de uma conjuntura de inflação mundial e acelerada taxa de juros interna, que se agravou a partir de 22 de fevereiro com a guerra da Rússia contra Ucrânia, Souza  lembrou  da associação da Exicon à FCI, órgão global para garantia de crédito internacional e financiamento de  recebíveis de exportação e importação, com sede em Amsterdã.

FCI Prize Exicon Cons_Alexandre & Robert

Robert Kienzle, international manager do grupo(E), e Alexandre Bücker de Souza quando recebem o prêmio  Export factor e import fator das Américas de 2022 

“A FCI sempre proporcionou para nós oportunidades em momentos de crise, como em épocas de desaceleração da economia ou momentos de crescimento de inadimplência ,dado ao propósito das operações que é garantir os valores exportados ou importados”.
Neste ano,   em evento realizado em Washington, de 19 a 6 de junho, quando foram realizadas reuniões bilaterais , a Exicon recebeu o prêmio de melhor empresa correspondente em Export factor e import fator das Américas de 2022 pelo melhor desempenho geral.

Em âmbito local, a South Service trading conquistou pela vigésima vez, em 33 anos de existência,  o Prêmio Exportação RS concedido pela ADVB /RS, pelo apoio e acesso de PMEs ao mercado internacional.

 

 

 

 

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome aqui