Exicon mantém crescimento mesmo em conjuntura adversa e é premiada pela 17ª vez consecutiva pela ADVB-RS

0
85
Exportações de madeira foram destaque com 56% de um total de US$ 145 milhões

Em um cenário marcado pelas crises políticas do governo Michel Temer, de oscilações do dólar, além dos impactos da Copa do Mundo, na indústria e no comércio, e da greve dos caminhoneiros, que provocou uma retração em vários setores, existem empresas que conseguiram superar todos esses contratempos. Este é o caso da Exicon Trading, de Porto Alegre, que pela décima sétima vez consecutiva deverá receber o Prêmio Exportação RS da Associação dos Dirigentes de Vendas do Brasil (ADVB), na categoria Destaque Empresas Comerciais e Trading Companies.

“Apesar de uma economia suscetível a um ritmo de crescimento stop and go, que alterna fases de crescimento mais baixo e outras com um maior dinamismo, e da forte volatilidade do dólar, o que para uma trading de comércio exterior tem um custo significativo, nós conseguimos nos defender”, avalia Alexandre Bücker de Souza, diretor-geral da empresa  que comemora neste ano o seu 30ºaniversário.
DNA

Desde a sua fundação em 1989, a empresa vem expandindo seus negócios  em vários países do mundo. Em grande parte, segundo Souza, devido a uma das expertises que faz parte do DNA do grupo: a rede internacional de networking construída junto a agentes de exportações. “Os clientes buscam segurança tanto na parte financeira como na logística. Querem que o produto dele seja embarcado, aqui no Brasil, e levado ao cliente final. E nós somos experientes em soluções integradas”, afirma.

No total das exportações em 2018 a empresa teve um incremento de 22% em reais e de 7% em dólar, com destaques para madeira (56% do volume total), móveis e calçados. O principal item da pauta de produtos de madeira, o compensado de pinus, respondeu por 65% dos embarques, seguido por móveis (15%), molduras de madeira (5%), madeira tropical ( 5%), madeira serrada (5%), portas (0,35%) e lâminas de pinus eucalipto (2%). Ao total, a trading exporta para mais de 40 países. A maior parte para os Estados Unidos, Inglaterra, Alemanha Holanda e Bélgica, seguido pela África do Sul, China e Taiwan. Em 2018, a corrente de comércio internacional e as operações de cobertura de risco de crédito somaram US$ 227 milhões, dos quais US$ 145 milhões de exportações.
A presença das PMEs

Entre os clientes da empresa  se destaca a presença de mais de 60 pequenas e médias empresas que juntas empregam cerca de 9 mil colaboradores. Em muitas delas graças à Exicon foi possível migrar do mercado interno que estava em queda para o mercado externo.

Além da trading, o grupo Exicon opera por meio de suas subsidiárias Comércio e Distribuição de Mercadorias ( Codime), responsável pela gestão completa de aquisição de mercadorias no exterior, que, em 2018, apresentou um crescimento de 27%; Exicon Soluções Logísticas (7% de crescimento)   Fomento Mercantil, que oferece capital de giro através do Fundo de Investimentos em Direitos Creditórios (FDIC), que apresentou uma evolução de 30% sobre 2017.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome aqui