Gabardo investe em 100 novos caminhões e diversifica atuação

1
2221
Foto: Divulgação

O ano de 2017 tem sido suntuoso para a Transportadora Gabardo, de Porto Alegre, especializada em logística no transporte nacional e internacional de veículos. Desde o começo do ano a empresa adquiriu 100 cavalos mecânicos novos e contratou cerca de 300 motoristas. Ao ser questionado sobre o motivo dos investimentos, o fundador da empresa, Sérgio Mário Gabardo tem pronta a resposta: aumentou o serviço.

A Gabardo atende as duas fábricas da Hyundai, além de Peugeot e Citroën, mas na sua carteira de clientes aparecem nomes como Scania, Ford, VW e Agrale. Contando com um total de mil caminhões-cegonha, a empresa realiza cinco mil viagens por mês para todo Brasil, além de Uruguai, Argentina, Chile, Paraguai, Bolívia e Peru. “Somente para a Hyundai são cem viagens todos os dias”, diz o empresário, acrescentando que ao final de um ano o volume transportado chega a 400 mil unidades, além de ser responsável por todos os PDIs (Pre Delivery Inspection) dos veículos.

A década da diversificação

Sérgio Gabardo nasceu em Bento Gonçalves, mas foi registrado em Nova Bassano, ambas na Serra Gaúcha. Foi agricultor e caminhoneiro. Ingressou no transporte de veículos em 1982 atendendo à montadora Miura. Em 1989 fundou oficialmente a sua transportadora e três anos depois, com a abertura econômica, obteve uma grande expansão no transporte de veículos. Dirigiu caminhão até meados de 1998, quando passou a conciliar as viagens com a administração da empresa. O ano de 2000 marca o início do processo de diversificação das atividades.

Criou a RG LOG, dedicada ao transporte de grãos, combustíveis, sucos cítricos e a tudo que não seja veículos, cujo crescimento motivou a contratação de outros 300 motoristas neste ano. Ingressou no mercado de concessionárias de veículos com a logomarca Gala. Possui uma em Pelotas, que comercializa a marca Hyundai e em breve inaugura outra, desta vez com a bandeira Renault A nova modelagem do grupo inclui ainda a Gabardo Empreendimentos Imobiliários, que administra a construção e locação de imóveis comerciais e a Gabardo Agro, destinada a criação de gado Angus. “Tem mais coisas pela frente e grande”, avisa.

Eficiência premiada

Para dar conta de tanta coisa, Sérgio utiliza dois aparelhos celulares sobre a mesa. Com os motoristas ele não tem problemas. Criou um sistema que premia os melhores a ter o direito de adquirir o próprio caminhão, abrir uma empresa e trabalhar para a Gabardo gerenciando dez motoristas. A condição é não ter cometido nenhuma irregularidade em cinco anos. “Tenho motorista aqui dentro que é diretor”, orgulha-se. Hoje há 163 PJs. “Pergunta para qualquer motorista se ele quer sair da Gabardo”, provoca.

A doutrina da Gabardo é ser solução para o cliente. A água para chegar ao oceano, como gosta de comparar. “Todos os dias temos que acordar para ser melhor”, ensina.

Por Guilherme Arruda

1 COMMENT

  1. Parabéns! Senhor Sérgio Gabardo, vi sua entrevista na Band, venho parabenizá-lo pelo sucesso que dia a dia realiza na sua grandiosa empresa, com muito empenho dedicação e carinho, procurando fazer todos os dias #OMelhor# sob a sua presidência e eficiente orientação.

Deixe uma resposta para Ligia Soares Skrebsky Cancelar comentário

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome aqui