Icom Hidromecânica decide explorar oportunidades no setor elétrico de países sul-americanos e projeta incremento de 20% no exercício de 2021

0
271
PCH Forquilha IV foi mais uma obra atendida pela Icom Hidromecânica

 

Ainda neste ano, a Icom Hidromecânica, de Xanxerê (SC), dona de um extenso portfólio de produtos industriais, pretende fechar seus primeiros embarques para países da América do Sul, depois de uma série de prospecções iniciadas no ano passado.

Junto com a demanda por energias renováveis, em detrimento das fósseis, que vem se intensificando em todo o mundo, Cláudio Piva, diretor financeiro da empresa, lembra que o continente detém um vasto potencial hidrelétrico, o que se constitui em uma janela de oportunidades.

Nos países vizinhos ainda não existe engenharia com experiência acumulada como no Brasil”, diz. “Embora a demanda não seja tão expressiva, a necessidade de know-how favorece às indústrias brasileiras. Ao lado disso, temos qualidade e preços competitivos, o que nos anima a exportar”, acrescenta Piva.

Além de gerar maior conforto na administração financeira da empresa, Piva observa que  as exportações dispõem de benefícios fiscais nas vendas para outros países.  “Apesar das dificuldades de logística, e até mesmo de profissionais conhecedores de mercado externo, as oportunidades existem e decidimos explorá-las.”

Comportas, grades, limpa grades, tubulações, pontes e pórticos rolantes para até 65 toneladas são os principais produtos elencados para exportar.

Com uma previsão de acréscimo de 12 pontos percentuais nas receitas no atual exercício apenas com os embarques, a empresa projeta um incremento de 20%, em comparação ao ano passado.

No ano de 2020, na Icom Hidromecânica, mesmo com as restrições causadas pela pandemia, segundo Piva, foi possível atingir as metas.  Foram concluídas 12 obras, entre PCHs e CGHs, e negociadas mais oito para entregas em 2021 e 2022. Ao total, foram processadas 1.250 toneladas de aço. Em relação ao faturamento bruto, a Icom cresceu 17,52%, comparado ao ano anterior.

Sobre os cenários de 2021, Piva observa que com a retomada da atividade industrial,  mesmo ainda longe do período pré-pandemia, deve crescer o consumo de energia e a necessidade de geração. Outra sinalização positiva para o setor, segundo ele, é a realização de leilões de energia o que não ocorreu em 2020.

Todavia, ele nota que entraves ainda pesam no setor. Lembra  que ainda existem muitas licenças com demoras excessivas nos órgãos ambientais e que podem comprometer determinados projetos. O aumento nos custos do aço, cimento e muitos outros materiais envolvidos nos empreendimentos, também castigam o setor, tornando obras quase inviáveis em termos de retorno ao investidor, acrescenta.

Com um quadro formado por 68 colaboradores e 20 terceirizados, a Icom Hidromecânica atua praticamente em quase todo o território nacional. Apenas Santa Catarina responde por cerca de 25% das receitas, com o restante pulverizado nos estados do RS, PR, MS, MT, GO, SP, RO, MG e BA.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome aqui