Movimentação de carga pelo porto de Rio Grande em 2017 será parecido com o do ano passado

0
39
Crédito: Divulgação

A movimentação de carga pelo porto de Rio Grande deverá atingir uma marca superior a 38 milhões de toneladas neste ano. Em 2016, o volume alcançado foi de 38,2 milhões de toneladas. Dificilmente a barreira dos 40 milhões de toneladas, meta cobiçada pela administração portuária gaúcha, será cruzada. No acumulado janeiro-novembro o porto alcançou 37,5 milhões de toneladas, que representa aumento de 5% quando comparado com o mesmo período de 2016. A marca de 37,5 milhões de toneladas é praticamente igual a todo o ano de 2015.

“Estamos confiantes de que o mês de dezembro deve ser positivo e auxiliar para a aquisição do recorde”, disse Janir Branco, diretor superintendente do porto de Rio Grande. “O ano foi atípico. Vimos meses com queda de movimentação quando comparado com o mesmo mês do ano passado, mas outros com crescimento exponencial como o caso de outubro que comparado ao 2016 teve crescimento de mais de 35% e novembro que tivemos mais de 11% quando analisamos o do ano passado”, afirma Janir Branco.

Como aconteceu em 2016, quando dos 38,2 milhões de toneladas movimentados, o cais comercial de uso público (Porto Novo) foi responsável por 14,83%, a previsão para este ano não ficará distante. “O cenário nacional e internacional são fatores preponderantes para a compra e venda de produtos. O estado é essencialmente agrícola e a variação de preços e valores cambiais favoráveis ao produtor são fatores para as movimentações portuárias”, avalia Branco.

O complexo soja tradicionalmente é o principal produto de movimentação no porto gaúcho. O conjunto formado por óleo, farelo e grão teve crescimento de 16,8%, acumulando até o momento 13,9 milhões de toneladas. Somente o grão de soja teve crescimento de 26,5% e soma sozinho 11,8 milhões de toneladas. “Tivemos nos primeiros meses do ano uma saída atípica da safra 2016 e estamos vendo uma boa movimentação da safra 2017”, afirma Branco.

As principais origens das importações ao Porto do Rio Grande são: Argentina (950.371t), Estados Unidos (735.702t), Marrocos (712.654t), Argélia (669.303t) e, Rússia (446.412t). Já as exportações ficam na seguinte ordem: China (12,1 milhões de toneladas), Eslovênia (878.814t), Irã (729.605t), Coréia do Sul (722.033t) e, Japão (675.926t).

Redação Modal com Assessoria de Imprensa da SUPRG

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Por favor digite o seu nome aqui